Dicas para aumentar o desejo sexual

Masturbar, mas certo

Se você não sente tanto desejo sexual como gostaria, pode precisar de alguma prática. Embora o sexo seja a melhor maneira de exercitar ativamente o poder, a masturbação também pode ajudar a melhorar sua resistência.

No entanto, a maneira como você se masturba pode ter efeitos adversos:

Se você chegar ao clímax, poderá inadvertidamente reduzir o tempo que passa com seu parceiro. O segredo é se acalmar e expandir, como faria se seu parceiro estivesse com você.

O treinamento a seguir já ajudou milhões de homens a aumentar o desejo sexual:

Estimule o pênis até ficar realmente duro e depois deixe a ereção desaparecer novamente. Se ele está mancando, você começa do zero. Por fim, use a seguinte técnica ao se masturbar: A mudança de duro para mole deve ser feita três vezes seguidas. Na quarta vez, o homem é recompensado com um orgasmo.

Treinar os músculos do assoalho pélvico (apertar e relaxar o músculo) também pode ajudar a aumentar a resistência, desejo sexual a força.

Preste atenção ao seu parceiro

O sexo não está sozinho, então não brinque de Rambo na cama. Prestar muita atenção aos desejos sexuais de seu parceiro não apenas torna o sexo mais agradável para ambas as partes, mas também pode ajudar a criar ou reduzir ainda mais a excitação e, portanto, atrasar o orgasmo.

Converse abertamente com seu parceiro sobre o assunto, para não causar constrangimento quando precisar desacelerar em um momento quente.

Alternar o tempo ou focar no parceiro durante um intervalo pode ser uma experiência mais agradável para os dois.

Obtenha ajuda profissional, se necessário

Se você tem disfunção erétil, diabetes, doença de Peyronie ou outras condições diagnosticadas, pode precisar de tratamento médico. Sinta-se à vontade para conversar com seu médico sobre como melhorar seu desempenho e potência sexuais.

É essencial mudar para qualquer homem comum, uma dieta saudável e equilibrada e aproveitar a vida sexual ao máximo. Esta é a única maneira de sustentar o corpo e a mente de maneira sustentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *